Mosaico


Eu quebrei. Quebrei muitas vezes, quebrei ao meio e depois em mais de mil pedaços. Cacos que de tão pequenos, eram quase impossíveis de juntar.

Trabalho árduo e meticuloso: procurar um por um, espalhados pela sala da casa, pela cozinha, pelos quartos e pelo banheiro. Debaixo do chuveiro, onde muitas lágrimas escorreram pelo ralo da tristeza mais profunda.

Eu desapareci.

Procurei por mim mesma e não achei em lugar algum.

Não estava dentro das gavetas, nem atrás dos quadros pendurados na parede. Não estava no cesto de roupas sujas, muito menos escondida em meio às folhagens que ficavam na varanda e dançavam ao vento nas noites de luar.

Procurei, mas nem meu reflexo no espelho enxergava, quanto mais a sombra do que um dia eu fora.

Eu calei.

Calei a voz, o canto e as palavras.

As alegrias não passavam de lembranças diluídas, numa aquarela inacabada. Silêncio sufocante que gritava por socorro, melodias sem cor, livro sombrio com páginas e mais páginas arrancadas.

Dias, meses e anos da mais pura ausência de mim mesma: relógio parado sobre o console na porta de entrada da casa.

Mas esta não é uma história triste, muito menos um lamento. É apenas mais uma verdade a ser dita, mais uma história entre tantas.

Esta é sobre o começo do fim, e assim sendo, é sobre um recomeço.

02- XI-2019

Mosaico de Cintia Cimbaluk

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

Te Descrevi

em alguns pensamentos soltos que a cabeça e o coração insistem em discutir - Por: Mauro Garcia

Luk Ank

lukank.com@gmail.com

Pitacos e Achados

Dicas e Pitacos para o dia a dia

Tem Flor

Liberdade é para Ser Livre!

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

life's adventure world.

Solving problems through enlightenment and life experiences, life is short and so are my posts enjoy!

O Caminhante

emeio: o_mensageiro@outlook.com.br

Cachorro Magro?

Cachorro magro não tem fome, tem necessidade.

phenobilities

thoughts on phenomena & (im)possibilities

Devaneios e Poesias

Devaneios, poesias, literatura e cultura geral

EntreContos

Detox Literário.

Conhecer Portugal em família

Visitar todos os concelhos de Portugal, em família.

THE DELAGOA BAY WORLD

Temas de ABM, principalmente Moçambique

Ruas com história

Toponímia em Portugal

Portal de Crônicas

Cá entre nós

Ingrid Osternack Barros Neves

Artista Plástica e Ilustradora

entre conversas e flores

o que é a vida senão um conjunto de pequenas histórias?

%d bloggers like this: