Amanhecer-se

Esvaziar-se
Dizer adeus
sem querer partir
Abandonar-se

Mergulhar
nas sombras
desse vazio
Desencantar-se

Ir ao encontro
do próprio
espelho
Desiludir-se

Trazer à tona
Brilho
nefasto
do desengano

Triste poente
que irrompe
inerte
a madrugada

Chama
de vela
Iluminando
a escuridão

Saber-se só
Dona de si
e assim
bastar-se

Resplandecente
Nessa
urdidura
Amanhecer-se.

One thought on “Amanhecer-se

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

Revista do Globo

Magazine de Atualidade Mundial: Quinzenário de Cultura e Vida Social - signaes graphicos desde 5-1-1929 até 17-2-1967

Oceano de Letras

Just another WordPress.com site

Brasil de Longe

O Brasil visto do exterior

Sangue da Forja

Escritos da Arte Sábia Tradiconal.

TE DESCREVI

"em alguns pensamentos soltos"

Luk Ank

lukank.com@gmail.com - instagram: @luk_ank

Tem Flor

Liberdade é para Ser Livre!

largodoscorreios

Largo dos Correios, Portalegre

life's adventure world 🌍.

Solving problems through enlightenment and life experiences, life is short and so are my posts enjoy!

O Caminhante

emeio: o_mensageiro@outlook.com.br

Cachorro Magro?

Cachorro magro não tem fome, tem necessidade.

phenobilities

thoughts on phenomena & (im)possibilities

Devaneios e Poesias

Devaneios, poesias, literatura e cultura geral

EntreContos

Detox Literário.

Conhecer Portugal em família

Visitar todos os concelhos de Portugal, em família.

THE DELAGOA BAY WORLD

Temas de ABM, principalmente Moçambique

%d bloggers like this: